Fale Conosco pelo MSN ou Skype

 18 DE NOVEMBRO DE 2017

Email
HOME
QUEM SOMOS
Capacitação
Consultoria
PESQUISAS
NOTÍCIAS
Editorial
Destaques
Artigos / Entrevistas
Logística
Trânsito
Multimodalidade
Empresas
Comex - Mundo
Economia
Mercosul / Cone Sul
Tecnologia
Política
Legislação
Eventos e Cursos
Agência Intelog
ASSINE GRÁTIS
TODAS EDIÇÕES
INTELOG WIDGET
INTELOG TICKER
RSS
Entre em Contato
Tornar página inicial
Adicionar aos favoritos
Mapa do Portal
Recomendar
Imprimir esta página
Translate This Page

  Tempo



 

  Ferramentas

Calcule o tempo e as rotas para sua viagem
Show My Street - Passeio virtual pelas ruas do mundo
Flightradar 24 - Tráfego Aéreo em Tempo Real
Dados e Informações de Todos os Países do Mundo - IBGE
Veja a hora em tempo real no mundo todo - TimeTicker.com
Leia jornais de todo o planeta - Newseum.org

  18/11/2017   Volkswagen apresenta o Virtus por inteiro - Sedã foi desenvolvido no Brasil sobre a mesma plataforma MQB do Polo.     18/11/2017   Transição para o futuro - Mudança na mobilidade domina discussões do Congresso SAE Brasil.     18/11/2017   Grupo VW cresce em todas as macrorregiões - Vendas no acumulado do ano somam 8,7 milhões de veículos e alta de 3,2%.     18/11/2017   Semi: visão Tesla de caminhão elétrico - Marca promete custo de operação menor e aponta diesel como “suicídio econômico”.     18/11/2017   E a Caoa comprou a Chery - Chineses entregam operação brasileira à administração dos brasileiros.     18/11/2017   Biogás causa impacto positivo na matriz, diz executivo da EPE - Dados da Empresa de Pesquisas Energéticas apontam vantagens competitivas ...     18/11/2017   Motocicletas direcionam o crescimento da Total Lubrificantes do Brasil - O objetivo é alcançar 5% de market share nesse nicho de mercado ...     18/11/2017   Petrobras inicia nova fase do processo de venda das ações da POGBV - A Petrobras informou em comunicado no dia 17 de novembro (sexta-feir...     18/11/2017   Santos Brasil vai investir R$ 37 milhões no Tecon Vila do Conde - Empresa assinou aditivo para prorrogação antecipada do prazo do contrat...     18/11/2017   Gerdau promove discussão sobre as perspectivas da mobilidade elétrica no Brasil - A Gerdau promoverá no dia 22 de novembro(quarta-feira),...  
Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Clique para ampliar

16/07/2017

Estímulo a investimento em infraestrutura não eleva gastos, diz Dyogo

Destaques

Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Nota

?

0 votos

O ministro do Planejamento, Dyogo de Oliveira, afirmou que as ações lançadas nesta quarta-feira para estimular o investimento em infraestrutura nos municípios não ampliam os gastos do governo, não aumenta o risco fiscal. “Mas privilegia e incentiva o investimento públicos que são necessários para a retomada da economia”, disse em cerimônia do Palácio do Planalto.

Dyogo apontou que as ações lançadas buscam o ciclo completo da infraestrutura. “Criaremos um fundo para realizar a preparação dos projetos, os estudos técnicos. A União aportará recursos e eles ficarão disponíveis para contratação de empresas especializadas”, explicou.

A Caixa, segundo o ministro, disponibilizará apoio técnico, para qualificar as equipes a estruturas esse tipo de projeto. Também serão ofertados modelos de contratos.

“Caixa e BB darão financiamento às concessionárias, serão 4 bilhões”, disse, apontando que também serão ampliadas as garantias, para que elas possam ser concedidas aos projetos, algo que era vedado.

“Isso não significará assunção de risco pela União, uma vez que mantém a apresentação de contragarantias pelos municípios”, disse.

Dyogo também anunciou o lançamento de linhas de crédito voltadas para os municípios que somam R$ 11,7 bilhões. “São recursos para investimentos que serão colocados à disposição de maneira ágil. Os recursos já estão disponíveis nas instituições. Além disso são recursos que já estão até pré-aprovados.”

No encerramento de sua fala, o ministro falou sobre a aprovação da reforma trabalhista. “Não posso deixar de mencionar que ontem tivemos um enorme avanço. Que muitos não acreditavam que a legislação trabalhista será modernizada, que trará segurança jurídica, que permitirá a formalização do trabalho, onde 50% da população está na informalidade. E ela é ainda maior quando vemos as faixas de renda mais baixa. A medida não é só econômica, ela é também uma medida social, permitindo a socialização do trabalhador”, disse.

Na abertura de sua fala, Dyogo destacou que ocorreram grandes avanços em um ano de governo, como controlar a inflação, acabar com a recessão, reduzir os juros, reduzir cargos e ministérios e outras ações no sentido do controle do gasto, com a aprovação do teto de gastos.

Linhas de crédito

Dyogo voltou a enfatizar que os recursos lançados hoje para financiar investimentos em infraestrutura de municípios não têm impacto na política fiscal. Foram anunciadas distintas linhas que somam R$ 11,7 bilhões.

“Foi tomado todo o cuidado para que as ações não tenham impacto na política fiscal, estamos buscando alternativas que permitam a retomada do investimento, com aumento da participação do setor privado de maneira que não signifique aumento de pressão sobre a questão fiscal”, disse.

Ainda de acordo com o ministro, não há despesa nova, mas sim remanejamento da parte que cabe ao Tesouro. Os recursos são do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), via Ministério das Cidades, Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil.

Paralelamente, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) tem disponíveis R$ 10 bilhões para os entes subnacionais, mas isso não é dinheiro novo.

Dyogo explicou, ainda, que o Banco do Brasil vai procurar as prefeituras que já foram avaliadas e que têm capacidade de pagamento para oferecer as linhas e ver interesse dos prefeitos.

Fonte: Valor Econômico

 

Por Valor Econômico - SP

 

Qual a sua avaliação?

0 Comentários - Faça o seu comentário

Voltar

Compartilhar

Clique para ampliar

Leia Também

Roubo de energia dá prejuízo de mais de R$ 4 bilhões por ano no Brasil

Alta do dólar é a ficha caindo de que a situação fiscal é bem delicada, por Alexandre Schwartsman

Estudo inédito revela falta de habilitação de motociclistas e consequências para o trânsito no Brasil

Volta da inspeção veicular?

Nem 1% dos caminhoneiros procura urologista para cuidar da saúde

Volkswagen apresenta o Virtus por inteiro

Transição para o futuro

Grupo VW cresce em todas as macrorregiões

Semi: visão Tesla de caminhão elétrico

E a Caoa comprou a Chery

Mais...

 

Este site possui suporte ao formato RSS



Notícias em Tempo Real

   

Google
Pesquisa personalizada

       

 Powered by CIS Manager - Desenvolvido por Construtiva

Intelog - Inteligência em Gestão Logística