Fale Conosco pelo MSN ou Skype

 25 DE SETEMBRO DE 2018

Email
HOME
QUEM SOMOS
Capacitação
Consultoria
PESQUISAS
NOTÍCIAS
Editorial
Destaques
Artigos / Entrevistas
Logística
Trânsito
Multimodalidade
Empresas
Comex - Mundo
Economia
Mercosul / Cone Sul
Tecnologia
Política
Legislação
Eventos e Cursos
Agência Intelog
ASSINE GRÁTIS
TODAS EDIÇÕES
INTELOG WIDGET
INTELOG TICKER
RSS
Entre em Contato
Tornar página inicial
Adicionar aos favoritos
Mapa do Portal
Recomendar
Imprimir esta página
Translate This Page

  Tempo



 

  Ferramentas

Calcule o tempo e as rotas para sua viagem
Show My Street - Passeio virtual pelas ruas do mundo
Flightradar 24 - Tráfego Aéreo em Tempo Real
Dados e Informações de Todos os Países do Mundo - IBGE
Veja a hora em tempo real no mundo todo - TimeTicker.com
Leia jornais de todo o planeta - Newseum.org

  24/09/2018   CNT defende criação do Indicador de Desempenho das Obras de Infraestrutura - Em um cenário de restrição orçamentária, a otimização da apl...     24/09/2018   Equipe de Bolsonaro delega área de infraestrutura a militares da reserva - O candidato Jair Bolsonaro (PSL) decidiu entregar a militares ...     24/09/2018   Teatro a Bordo encanta mais de 2 mil pessoas em Santana de Parnaíba - Por meio do Instituto CCR e apoio da CCR ViaOeste, o caminhão-palco...     24/09/2018   Marcelo Boaventura assume o comando da CCR ViaOeste e CCR RodoAnel - Movimento é parte de um novo ciclo na gestão da empresa e tem por ob...     24/09/2018   Triunfo Transbrasiliana realizará Pit Stop de Saúde na Praça de Pedágio de Vera Cruz - Encerrando programação da Semana Nacional de Trâns...     24/09/2018   CART repassa mais de R$ 10 milhões em ISS no 1º semestre de 2018 - Imposto contribui com desenvolvimento de 34 municípios por onde a rodo...     24/09/2018   ViaQuatro apoia a "Semana Move", ação que incentiva prática de atividades físicas - Ações gratuitas vão levar aos passageiros da Linha 4-...     24/09/2018   França vai testar trens híbridos em rotas regionais - A França deve testar operação de rotas ferroviárias regionais servidos por trens hí...     24/09/2018   Alemães desenvolvem Trem de Carga de Alta Velocidade - O transporte de cargas poderá ser feito por meio de trens de alta velocidades no f...     24/09/2018   China passa a contar com 25 mil km de vias para trens de alta velocidade - Foi inaugurado em 23 de setembro, uma nova linha de trem de al...  
Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Clique para ampliar

13/09/2018

TCE suspende edital de licitação do VLT do Subúrbio

Multimodalidade

Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Nota

?

0 votos

12/09/2018 - Correio da Bahia

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) determinou, por meio de liminar, a suspensão do edital de licitação para formação da Parceria Público-Privada (PPP) do VLT do Subúrbio de Salvador. Em decisão monocrática, o conselheiro Pedro Lino apontou indícios de irregularidades no processo, comandado pelo governo do estado, e suspendeu o edital. A matéria está na pauta de apreciação dos conselheiros na sessão desta quinta-feira (13), quando a Corte pode decidir manter ou não a suspensão.

Entre as possíveis irregularidades apontadas pelo TCE estão a ausência de licenciamento ambiental e de consulta pública, além da falta ou incompletude do anteprojeto de engenharia. O conselheiro também diz haver ausência de evidências que demonstrem a vantagem econômica e operacional da proposta de PPP como posta no edital e no contrato. Ainda aponta falta de autorização legislativa, o que, para ele, seria necessário para este tipo de edital.

Em nota, a Secretaria da Comunicação do Estado (Secom) negou as irregularidades e informou que o conselheiro se equivocou (ler mais abaixo).

 

Indícios

Os indícios de irregularidades foram encontrados por uma auditoria realizada pela Sétima Coordenadoria de Controle Externo do TCE. Os indícios apontados no planejamento e no procedimento licitatório da concessão seriam capazes, segundo destaca a auditoria, de causar dano de difícil e incerta reparação ao patrimônio público e à ordem jurídica.

O valor da concessão, pelos próximos 20 anos, é de R$ 152,9 milhões. Segundo a decisão do conselheiro, a Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Estado (Sedur) analisou dois cenários, comparando o Valor Presente Líquido (VPL) do modelo PPP (R$ 1.423,1 milhões), em relação a outros modelos de obra pública: a) custeada 100% pelo Governo do Estado (R$ 1.935,8 milhões) e, b) obra pública financiada 70% pelo BNDES (R$ 1.716,5 milhões).

Diante dos valores apresentados, o modelo PPP, segundo o Governo do Estado, se apresentou mais vantajoso em relação aos demais modelos de obras públicas analisados. Entretanto, a Auditoria analisou os supracitados cálculos e identificou as vulnerabilidades, afirmou.

A auditoria concluiu que, caso o cenário de demanda seja o pior previsto e caso o serviço prestado pelo concessionário seja classificado como insatisfatório, 88,4% da receita total projetada estariam garantidas ao parceiro privado.

Segundo o estudo, o valor dos investimentos para definição do preço de referência para a licitação foi obtido por meio de orçamento sintético. Percebe-se, portanto, que todo o estudo foi embasado na utilização do modal VLT, sem levar em consideração a possibilidade de adoção de qualquer modal substituto ou equivalente a este, pondera o conselheiro.

Segundo Pedro Lino, no anteprojeto de engenharia deveriam ser apresentadas as soluções técnicas propostas para o empreendimento a ser construído, o que inclui os materiais e equipamentos a serem empregados, o dimensionamento de estruturas, os componentes da obra, as metodologias executivas, de modo que tudo deveria estar definido no instrumento convocatório.

Entretanto, a auditoria destaca que os multicitados dados técnicos do anteprojeto de engenharia, contendo as soluções propostas para o empreendimento a ser construído, deixaram de compor os anexos do Edital republicado.

 

Outro lado

Em comunicado, a Secom comentou a medida cautelar proferida pelo conselheiro Pedro Lino, e disse que a suspensão do procedimento licitatório do VLT “causou surpresa” à PGE.

“Inicialmente, porque [a medida] não admite que existam as irregularidades sugeridas na decisão do Relator, embora compreenda tratar-se de tema de grande complexidade e que pode eventualmente gerar dúvidas de interpretação dos órgãos de controle. Tais dúvidas poderiam ter sido sanadas caso o Relator tivesse conferido a oportunidade para a manifestação do Estado, em vez de decidir monocraticamente e sem dar direito à manifestação dos órgãos estaduais responsáveis pela licitação, desprezando elementos e informações que poderiam modificar o teor da decisão”, afirma a nota da Secom.

O posicionamento também cita que de acordo com a Resolução 162/2015, do TCE, a decisão tem que ser objeto de manifestação posterior pelo Pleno da referida Corte. “Por cautela, a Procuradoria Geral do Estado da Bahia apresentou nesta data requerimento ao Presidente do TCE, a ser submetido ao Plenário da referida Corte de Contas, para que, antes de qualquer pronunciamento, seja possibilitado ao Estado da Bahia apresentar as razões técnicas que demonstrarão o despropósito da decisão cautelar”, continua a nota.

Na opinião do procurador geral do Estado, Paulo Moreno, a decisão cautelar do conselheiro é precipitada. Acredito que o Tribunal Pleno terá uma postura mais cautelosa, no sentido de buscar mais elementos para formar o seu juízo decisório. Longe de tratar-se de irregularidades, as questões suscitadas pelo Conselheiro Relator, em verdade, decorrem de interpretações equivocadas sobre os aspectos relacionados, por exemplo, ao modal, cujo conceito central restou preservado no edital definitivo”, comentou.

“O interesse do Estado da Bahia não é, entretanto, polemizar, mas apresentar os esclarecimentos necessários, estando absolutamente confiante de que o Plenário não endossará a posição isolada do Conselheiro Relator”, concluiu.

 

Fonte: https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/tce-suspende-edital-de-licitacao-do-vlt-do-suburbio/

 

Por Correio da Bahia

 

Qual a sua avaliação?

0 Comentários - Faça o seu comentário

Voltar

Compartilhar

Clique para ampliar

Leia Também

Justiça Federal dá prazo para início das obras de recuperação da Estação Leopoldina

Monotrilho na zona leste segue em testes, cinco meses depois da inauguração

Orçamento da Transnordestina sobe mais R$ 2,4 bilhões

CPTM suspende licitação para manutenção dos trilhos das linhas 11 e 12

Governo estuda parceria com setor privado para CBTU e Trensurb

CNT defende criação do Indicador de Desempenho das Obras de Infraestrutura

Equipe de Bolsonaro delega área de infraestrutura a militares da reserva

Teatro a Bordo encanta mais de 2 mil pessoas em Santana de Parnaíba

Marcelo Boaventura assume o comando da CCR ViaOeste e CCR RodoAnel

Triunfo Transbrasiliana realizará Pit Stop de Saúde na Praça de Pedágio de Vera Cruz

Mais...

 

Este site possui suporte ao formato RSS



Notícias em Tempo Real

   

Google
Pesquisa personalizada

       

 Powered by CIS Manager - Desenvolvido por Construtiva

Intelog - Inteligência em Gestão Logística